You are currently viewing A minha profissão não é reconhecida

A minha profissão não é reconhecida

[av_textblock size=” font_color=” color=” admin_preview_bg=”]
Por que eu tenho que querer mais? Quem eu quero e posso me tornar? Qual o grau de comprometimento para isso?

Como evitar pensamentos sabotadores e ter resultado permanentes?

Tudo isso é possível?

Se você está em uma rotina, encontra todos fazendo a mesma coisa, não consegue colocar em prática o conteúdo que você aprendeu na faculdade. Quero mostrar algo do tipo: Uau! Posso alavancar a meus resultados, ter clientes fazendo fila para ser atendidos por mim! Ter segurança financeira e ainda aproveitar ao máximo a minha profissão e a minha vida!

Fiz algumas perguntas para alguns profissionais personais trainers, tipo: o que você espera da sua profissão? Quem é referência em sua área? Quanto você fatura por mês? Ao ano? Acreditem que se não todas, 99% delas era uma resposta difícil de acreditar. Não porque estavam mentindo, mas porque não tinha uma referência, não sabiam quanto ganhavam mês a mês e nem o que esperar da profissão. Muitos falaram que está banalizada ou que não é reconhecido (a).

É muito importante que tenhamos em mente um objetivo específico para realização. Partindo daí, então, iremos traçar formas para alcançá-lo, entendendo as dificuldades que irão aparecer no caminho, identificando fraquezas para melhor lidar com elas.

Existe uma crença limitante, e crença é um pensamento repetitivo, ou todo pensamento habitual que acaba por se tornar verdade. Uma certeza absoluta sobre algo. Existem crenças boas e crenças ruins, dependendo do contexto. O que quero falar aqui é algo muito ruim que está muito presente em profissões como educação fisica, fisioterapeuta, psicólogos, terapeutas ocupacionais.. ” Minha profissão não dar dinheiro”.

Imagine o impacto que tem essa afirmação na sua ação? Se você é do tipo que gosta de ganhar bem, gosta de fazer as coisas bem feitas, é esforçado. Eu sei que temos que trabalhar pensando na saúde da pessoa. No entanto é muito importante você pensar, na sua saúde e na saúde da sua família.

Como será o seu futuro?

Se o seu pensamento continuar assim? Que a sua profissão não dar dinheiro, você se empenharia ao máximo? E se você pudesse ser diferente e começar a acreditar que sim, você pode ser diferente e ganhar acima da média? Ou então uma corrente que acreditasse que sim, tanto a educação física como a fisioterapia, pudessem ser reconhecidas, serem respeitadas e os profissionais ganhando muito bem por isso!

Tudo começa em você. Você não precisa esperar o seu conselho, o seu professor ou o seu aluno falar que você é bom. Você acredita que você é bom e fica dessa forma. Você não precisa levantar a bandeira e espera que toda classe profissional ganhe como você ganha!

Você pode fazer a sua parte! Existe uma grande diferença entre GANHAR dinheiro e FAZER dinheiro. Você tem que mudar suas atitudes e pensamentos em relação a finanças e o seu vocabulário.

É certo que existem Personais Trainers que ganham pouco.

Mas é certo acreditar que TODO personal trainer ganha pouco?

Você conhece algum personal que se destaca e ganha mais de R$ 100.000,00 mês?

Mais de R$ 20.000,00  ou R$ 15.000,00 que seja.

Se ele pode fazer isso. Você também pode!

Como pensa um profissional fora da média? Como  é a sua comunicação, o que ele veste, como é a relação com seus alunos? Quanto é a sua hora aula? Ele vende hora aula ou vende um transformação? Como são suas redes sociais – O SUCESSO DEIXA PISTAS!

Devo diminuir o preço de personal

A partir de hoje, não fale que sua profissão esta banalizada. Você deve ter escutado em sua época de faculdade que era a profissão do futuro! Você está preparado? O futuro é agora. O que você tem feito? Com quem você tem conversado?

1 – PASSO –  Não reclame, e foco na solução

Pode continuar reclamando! Até quando? Qual o seu objetivo? Responda então : O que você tem que fazer para concretiza-lo?

2 – PASSO – Mude o seu vocabulário

Minha profissão é prospera, Eu faço a minha profissão – Eu ganho dinheiro enquanto me divirto – Sou muito bem remunerado pelo o que eu faço.

3- PASSO – Estabeleça uma meta anual

Quanto você quer faturar anualmente? Coloca isso como uma meta. Em outro post, falarei sobre metas. No entanto eu quero que você saia da zona de conforto e escreva o quanto você merece ganhar mês a mês.

Tudo acontece, tudo começa em você

Seja a mudança que você que ver em sua profissão

Carinho

George
[/av_textblock]

George Soares

George é treinador e motivador para o sucesso. Empreendedor e gestor no ramo fitness por sete anos, ele utiliza as habilidades de marketing, vendas, inteligência emocional, liderança e gestão adquiridas nesse período, e os compilou em programas para ao desenvolvimento de personais trainers que desejam muito mais de suas carreiras.